Club do Jazz apoia Nujoc Solidariedade em suas apresentações

O Nujoc Solidariedade, projeto criado com o objetivo de ajudar pessoas que precisam de auxílio esse período de pandemia (coronavírus), já conseguiu realizar 179 atendimentos, entre doações de cestas básicas, produtos de limpeza e higiene e assistência psicológica. Para que a quantidade desses serviços continue crescendo, é imprescindível o apoio e parcerias firmadas a fim de dar visibilidade a essa iniciativa, e nessa oportunidade gostaríamos de falar de um grupo que aderiu a nossa campanha, o Club do Jazz.

O Club do Jazz conta com Ana Júlia Veloso na voz, Júlio Medeiros no baixo, George Paiva na guitarra e violão e Roberto Carvalho na bateria, no entanto, é mais que uma banda. O grupo é realmente um clube, que reúne músicos, amantes e estudiosos da música instrumental, no caso o jazz, internacional e brasileiro, além da Bossa Nova.

Como todos os artistas da música, o Club do Jazz não parou suas atividades após a quarentena, e vem se apresentando através de lives e vídeos nas redes sociais. É aí que entra o apoio ao Nujoc Solidariedade. Nos vídeos de cada apresentação, o Club do Jazz divulga o nosso projeto, informando o endereço do site para quem puder e quiser ajudar.

Assista ao vídeo:

Nós conversamos com Júlio Medeiros, idealizador do Club do Jazz, que explicou como surgiu essa iniciativa. “O Clube do Jazz, que é um trabalho desenvolvido com a galera que gosta de boa música instrumental, tanto do jazz brasileiro como do jazz internacional, é um trabalho que já vem sendo desenvolvido há mais de dois anos. Vimos no Nujoc Solidariedade uma grande opção para poder ajudar nesse momento que todos estamos vivendo, essa dificuldade, principalmente a galera que está mais precisando, inclusive os próprios músicos, e toda uma grande faixa da população brasileira”, colocou.

Para Júlio Medeiros a música tem grande poder de tocar e sensibilizar as pessoas. “Como a gente poderia ajudar? Vamos gravar vários vídeos, já gravamos o primeiro. Serão vídeos com grandes convidados do jazz nacional e até internacional, é uma maneira de tocar as pessoas, música é uma forma muito interessante de você poder sensibilizar, e essa foi nossa ideia para trabalhar essa possibilidade com o Nujoc Solidariedade”, finalizou o músico.

Acompanhe o Clube do Jazz e o Nujoc Solidariedade no Instagram: @clubdojazz e @nujoc.solidariedade